Aprenda a Fazer Um Plano de Negócios Gastronômico

O primeiro passo ao decidir empreender é a elaboração de um plano de negócios. Trata-se de uma ferramenta de orientação que proporciona a observação real do mercado de atuação, independentemente do produto ou serviço que tenha optado. Além disso, um plano ainda te auxilia em provar a viabilidade da ideia para possível captação de recursos.

Resolveu abrir seu próprio restaurante e não faz ideia de como começar a construir seu planejamento? Calma, aqui você vai encontrar os principais passos para que aprenda a fazer um plano de negócios gastronômico.

Analisando o Meio

Seu plano de negócios incluirá várias etapas, desde o desenvolvimento do conceito do seu restaurante, até analisar detalhadamente como o empreendimento será e como funcionará.
Este, por sua vez, deverá ser atualizado a medida que o negócio se expandir, pois novas diretrizes e metas serão traçadas.

Em suma, um plano de negócio gastronômico deve abordar os seguintes aspectos:

objetivos e metas claras
processos para alcançar os devidos objetivos e metas
recursos necessários para a realização da atividade, sejam financeiros, humanos, físicos e materiais, bem como quantidades e como serão adquiridos
procedimentos que poderão detectar e antecipar erros ou falhas na execução do plano, assim como sua correção contínua

Especificações de um plano de negócios gastronômico

De acordo com o SEBRAE, definido os aspectos principais, é hora de esmiuçar todos os itens contidos no documento, veja:

sumário executivo —introdução de cada item do plano;
descrição da empresa — resumo sobre a empresa e seus dados fundamentais;
produtos e serviços — descrição do que o negócio oferece e suas características;
estrutura organizacional — demonstra como a empresa organiza sua mão de obra;
plano de marketing — são as estratégias de como irá vender o produto ou serviço;
plano operacional — descreve a localização, instalações físicas e equipamentos;
estrutura de capitalização — relação de sócios e participação de capital de terceiros;
plano financeiro —são as projeções de receitas e gastos, onde se mede a viabilidade do negócio, a partir do investimento que está sendo projetado;

Para mais informações sobre o assunto, continue acompanhando o blog Márcia Calderon, e não esqueça de deixar seu comentário!

banner post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *